CEEE Equatorial dá dicas de uso eficiente de energia no verão

0
47

Conta de energia pode reduzir de 20% a 50% com a mudança de alguns hábitos

Ar-condicionado, chuveiro elétrico e geladeira são alguns eletrodomésticos que merecem maior atenção no período

O verão chegou e, em tempos de maior consumo, evitar as chamadas “fugas” de energia e a adequação do cabeamento elétrico permitem melhor aproveitamento dos equipamentos, refletindo até mesmo na conta de luz no fim do mês.

Por isso, a CEEE Equatorial preparou algumas dicas em relação aos principais “vilões” do consumo no verão. Ar-condicionado, chuveiro com a potência máxima e outros itens são ligados excessivamente para amenizar as altas temperaturas dentro de casa, mas o conforto em excesso pode elevar os gastos.

De acordo com especialistas, o valor da conta de energia pode subir de 20% a até 50% no verão, dependendo da região, do tamanho da família e dos hábitos de cada uma.

Veja algumas ações que, além de trazerem segurança na utilização dos equipamentos, também podem não trazer um susto na hora de pagar a fatura:

– Ar-condicionado

O ar-condicionado, sem dúvida, é o maior vilão do consumo de energia no verão. Se mantido ligado o dia todo, será responsável por 15% a 20% do consumo total de uma residência. Nesta época do ano, abra as janelas o maior tempo possível e deixe o ar natural ventilar o espaço. Em outras situações, utilize um ventilador, que é mais econômico.

Sobre o ar-condicionado, é importante evitar que o equipamento fique exposto ao sol e que ele seja instalado em local com boa circulação de ar. Durante seu funcionamento, mantenha as janelas e portas fechadas, evitando a entrada de ar do ambiente externo. Mantenha-o desligado quando estiver fora do ambiente por muito tempo ou em dias de temperatura amena.

Em termos de manutenção, limpe sempre os filtros, pois a poeira impede a livre circulação do ar e faz o aparelho trabalhar mais, consumindo mais energia.

– Chuveiro elétrico

Está também entre os principais vilões, sendo um dos responsáveis por um percentual significativo no consumo de energia residencial. Quando o aparelho está com a chave na posição “inverno”, o consumo aumenta em média 30%. Dessa forma, claro, a principal mudança de hábito para controlar a conta de luz é tentar posicioná-lo em “verão”, reduzir o tempo de banho e evitar o desperdício de água.

Além disso, é importante evitar o uso do chuveiro no horário de pico (início da manhã e início da noite), para não sobrecarregar o sistema elétrico. No chuveiro, vale também utilizar resistências originais, verificando a potência e a voltagem correta, jamais fazer emendas ou adaptações e, nas substituições, utilizar equipamentos com a potência compatível ao dimensionado para o circuito de alimentação. O chuveiro elétrico também precisa de manutenção, por isso é recomendado limpar periodicamente os orifícios de saída de água do chuveiro.

– Geladeira

A geladeira é um grande consumidor de energia elétrica, representando, em média, 15% a 20% do consumo. Por isso, deve ser instalada em local ventilado, não encostar em paredes ou móveis e ficar longe de raios solares e fontes de calor, como fogões e estufas. É importante também sempre regular o termostato.

Além disso, não use as serpentinas de trás do aparelho para secar panos de prato e roupas, verifique se a borracha de vedação está em bom estado, evitando que o ar frio escape de dentro da geladeira. Não abra a porta sem necessidade ou por tempo prolongado e não guarde alimentos quentes no refrigerador, nem no freezer.

Então para acabar com esse vilão da economia, é bem fácil: basta deixar um litro com água com gelo fora da geladeira. Assim, você evita abrir o eletrodoméstico toda hora para pegar água, economiza energia e ainda conserva a borracha de vedação da sua geladeira por mais tempo.

– Iluminação

A iluminação representa de 5% a 10% do consumo. Então, assim como no uso do ventilador, mantenha as janelas abertas, aproveite a luz natural e evite acender lâmpadas durante o dia. Ao sair de um ambiente, apague a luz. Limpe sempre as lâmpadas e luminárias para aproveitar a maior iluminação das mesmas.

Substitua lâmpadas incandescentes por fluorescentes compactas ou  LED. Além de consumir 75% (fluorescente) e 85% (LED) menos que as incandescentes, elas iluminam melhor e duram 6 ou 25 vezes mais, respectivamente.

Se possível, na sua residência, utilize as cores claras na decoração, para facilitar a iluminação.

Por fim, e não menos importante, revise as instalações internas, de modo a evitar fuga de corrente e mitigar riscos de acidentes.

– Ferro de passar roupa e máquina de lavar

Outro grande vilão no consumo de energia elétrica é o ferro, que funciona por meio do aquecimento de uma resistência, cuja potência varia conforme o modelo do aparelho. Para usá-lo com economia, habitue-se a acumular a maior quantidade possível de roupas, para passar tudo de uma vez só. Ligá-lo várias vezes ao dia desperdiça muita energia. Também regule a temperatura seguindo as orientações do fabricante ou, no caso do ferro elétrico automático, a indicada para cada tipo de tecido.

Outra dica é iniciar sempre pelas roupas que requerem temperaturas mais baixas. Assim, reserve algumas roupas leves, como as feitas de nylon e lingeries, para serem passadas nos últimos dez minutos, com o ferro desligado. Isso ajuda a economizar, já que o aparelho ainda estará quente.

Da mesma forma, acumule roupas também com a máquina de lavar e a utilize menos vezes, economizando energia.

Por fim, se for comprar um aparelho novo, a Equatorial orienta sempre a escolha de aparelhos que possuem o Selo Procel e que são classificados na categoria “A” do Inmetro, pois são os mais eficientes e consomem menos energia.

Plano Verão

A CEEE Equatorial preparou o Plano Verão para mitigar interrupções no fornecimento de energia durante o período mais quente do ano. Desde a posse da concessão gaúcha, em julho, diversos investimentos estão sendo realizados dentro do Plano de 100 Dias e de outros programas de investimentos, mas as condições da rede elétrica encontradas só permitem que os resultados das ações sejam vistos em um prazo mais longo, nos próximos dois anos.

Por isso, o objetivo inicial para este período foi avaliar todos os pontos críticos em subestações, linhas de transmissão e alimentadores, além das informações sobre a configuração da rede e sua distribuição para a população. No verão, parte da população gaúcha migra para o litoral do Rio Grande do Sul e ocorre também a colheita de safras de arroz e fumo no Sul, Litoral Sul e Campanha.

Ações prévias de inspeção e planejamento foram realizadas e detectaram a necessidade de implantação de melhorias para o atendimento operacional, buscando maior agilidade no atendimento a população e solidez na operação. São elas:

  • Plantão com cerca de 270 equipes para serviços como restabelecimento da energia, inspeção e ligação nova, sendo 40 delas para atendimento 24h no litoral;
  • Inspeções em aproximadamente 200 transformadores de rua que apresentaram algum tipo de ocorrência no verão passado;
  • 13 Inspeções e Manutenções em transformadores de subestações e linhas de transmissão, nos municípios de Porto Alegre, Guaíba, Arroio do Sal, Atlântida Sul, Osório, Santo Antônio da Patrulha e Tramandaí;
  • Instalação de equipamentos de controle de tensão, para evitar sobrecargas em redes de distribuição;
  • Disponibilidade de sistemas de telecomando de equipamentos e supervisão de subestações;
  • Implantação da tecnologia Loop Automation (automação por meio de recomposição automática);
  • Revisão e retirada de ramais emendados ou improvisados e manutenção de chaves e equipamento reincidentes;
  • Poda e limpeza de vegetação perto ou sob a rede de distribuição.

Na parte comercial, para levar mais facilidade, comodidade e agilidade aos clientes do litoral durante o verão, a CEEE Grupo Equatorial abrirá suas agências de atendimento de Balneário Pinhal, Capão da Canoa, Torres e Tramandaí também aos sábados, das 08h às 12h. O funcionamento nos dias úteis permanece inalterado, com horário das 8h às 17h.

A religação de urgência, normalmente oferecida somente em dias úteis, passará a ocorrer nessas localidades também aos sábados. O objetivo do serviço prestado também aos sábados é dar atenção diferenciada aos clientes, principalmente neste período onde há grande migração de clientes para as praias do litoral.

Confira os endereços das agências de atendimento:

Balneário Pinhal

Av. Castelo Branco, 181 – Centro

Horário de atendimento:

Segunda a sexta-feira das 08h às 17h

Sábados – 08h às 12h (nos meses de dezembro/21 a fevereiro/22, exceto feriados)

Capão da Canoa

Rua Ubatuba, 581 – Centro

Horário de atendimento:

Segunda a sexta-feira das 08h às 17h

Sábados – 08h às 12h (nos meses de dezembro/21 a fevereiro/22, exceto feriados)

Torres

Av. Silva Jardim, 111 – Centro

Segunda a sexta-feira das 08h às 17h

Sábados – 08h às 12h (nos meses de dezembro/21 a fevereiro/22, exceto feriados)

Tramandaí

Rua Amâncio Amaral, 1138 – Centro

Segunda a sexta-feira das 08h às 17h

Sábados – 08h às 12h (nos meses de dezembro/21 a fevereiro/22, exceto feriados)

Outros canais

Além do atendimento na agência, os clientes da CEEE Equatorial Energia possuem os seguintes canais de comunicação:

– site https://ceee.equatorialenergia.com.br/

– tel: 0800 721 2333

– para falta de energia, SMS 27307, que deve ser preenchido com a palavra LUZ e o número da Unidade Consumidora (encontrado no canto superior direito da fatura de energia). 

Sobre a CEEE Grupo Equatorial – A CEEE, atualmente pertencente ao Grupo Equatorial Energia, está presente em 72 municípios das regiões Metropolitana, Sul, Centro-Sul, Campanha, Litoral Norte e Litoral Sul e conta com mais de 1,8 milhão de clientes.

A empresa passou por um longo período sem investimentos e o momento é de recuperação, com obras que fortaleçam o sistema elétrico na área de concessão.

O Plano de Investimentos visa trazer recursos para a concessionária e promover melhorias nos serviços e no atendimento ao cliente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here