COSERN APOSTA EM TECNOLOGIAS DE REDES INTELIGENTES, SUPERA INDICADORES DE QUALIDADE ESTABELECIDOS PELA ANEEL E REFORÇA CONFIABILIDADE DO SISTEMA ELÉTRICO POTIGUAR

0
221

 

 

Sistema AIR, sigla para Automação Inteligente de Redes, permite o restabelecimento automático da energia, reduzindo o tempo e o número de vezes em que acontecem interrupções no fornecimento de energia

 

Natal, 26 de junho de 2020

 

A maioria das pessoas nem imagina, mas a rede elétrica é composta por uma tecnologia que vai muito além do que postes e cabos. Investimentos em automação, inovação e redes inteligentes (smart grids, em inglês) tem levado a Cosern a reduzir, cada vez mais, a frequência e a duração das interrupções no fornecimento de energia em todo Rio Grande do Norte, superando indicadores e reforçando a confiabilidade do sistema elétrico.

 

Uma das principais iniciativas que levou a esse cenário foi a implantação do sistema AIR, sigla para Automação Inteligente de Redes, desenvolvido para a auto recomposição das redes. A tecnologia atua em caso de ocorrências provocada por fatores externos que acarretam a interrupção do fornecimento. O sistema identifica o ponto e, sempre que possível, realiza manobras isolando automaticamente o problema e transferindo as cargas para que o menor número possível de clientes fique sem suprimento de energia.

 

Em função das características das áreas de concessão das distribuidoras, a Aneel estabelece limites de qualidade diferentes, de acordo com a complexidade de cada mercado. Para avaliar o DEC e o FEC de cada concessionária, o órgão regulador leva em consideração peculiaridades como extensão territorial, características da rede elétrica e condições socioeconômicas.

 

A Cosern está abaixo dos limites estabelecidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para os indicadores de qualidade que avaliam a frequência média das interrupções (FEC, medida em vezes) e a duração média em que isso acontece (DEC, em horas).

 

A distribuidora potiguar teve FEC de 4,59 vezes no primeiro trimestre de 2020, muito abaixo das 8,01 exigidas pela Aneel e das 5,41 registradas no mesmo período do ano passado. O DEC na concessionária foi de 9,37 horas de janeiro a março deste ano, enquanto o limite regulatório era de 11,92 e o valor nesses meses em 2019 foi de 11,46. Canguaretama, na Região Agreste, por exemplo, já conta com o sistema de automação de redes em 39 religadores.

 

Como funciona o Sistema AIR

O AIR detecta o local exato do problema, sem a necessidade de intervenção humana, e isola a rede que foi atingida, retomando, imediatamente, o fornecimento para o maior número possível de clientes. Com o sistema, o número de consumidores afetados pode ser reduzido em até 70% e o restabelecimento de energia pode acontecer em até 60 segundos.

 

Na prática, na ocorrência de uma interrupção, o próprio sistema estabelecesse um “novo caminho” para que a energia alcance o cliente. Todos os equipamentos da rede elétrica estão conectados por uma infraestrutura de telecomunicações (fibra ótica, rede celular 4G ou satélite) a sistemas de controle, em que são programadas sequências lógicas considerando as possibilidades da rede, como número de clientes, carga e tensão. Se houver uma mudança na estrutura da rede, a tensão é alterada e o sistema envia o comando de como cada equipamento vai agir diante da situação.

 

A ampliação da instalação do Sistema AIR na rede de distribuição reforça o compromisso da Cosern com a qualidade do fornecimento de energia elétrica. O projeto faz parte das iniciativas da empresa para implantação do conceito de Smart Grids (redes inteligentes), nova tendência mundial na distribuição de energia elétrica.

 

Respostas com mais agilidade

O AIR ainda alerta o Centro de Operações da Cosern e, com isso, danos físicos aos equipamentos podem ser resolvidos também de forma mais eficiente pelas equipes de campo. Garantindo ainda mais agilidade, a gestão das equipes de campo é feita de forma automatizada, desde a implantação do Sistema ClickSoftware, em dezembro de 2019.

 

No momento em que o aviso é recebido, a ferramenta aciona o time que estiver mais perto e que tenha as habilidades necessárias para reparar os danos à rede elétrica. Essas informações são configuradas na plataforma que coordena, além das ações emergenciais, as preventivas e comerciais nas concessionárias da Neoenergia, entre elas a Cosern.

 

Fotos: Cosern/divulgação

 

Sobre a Cosern

Detentora da melhor pontuação no ranking entre as empresas com mais de 400 mil clientes do Nordeste no Prêmio Aneel de Qualidade e premiada em 2018 e 2019 como a Melhor Ouvidoria do país, a Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern), empresa da Neoenergia, está presente nos 167 municípios potiguares, detém uma área de concessão de 53 mil quilômetros quadrados e atende 1,4 milhão de clientes (3,5 milhões de habitantes).

Em caso de falta de energia, a Cosern orienta:

  • Enviar um Whatsapp para o número (84) 3215-6001.
  • Enviar um SMS para 28116, informando apenas o número da sua conta contrato. Para facilitar, salve-a no bloco de notas do seu smartphone; ou
  • Telefonar para o 116.

DICAS DE SEGURANÇA COSERN

Não faça ligações clandestinas de energia elétrica. Além de crime, o “gato” coloca em risco a vida de quem faz e de quem está próximo. Denuncie a irregularidade de forma anônima no telefone 116 da Cosern.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here