Distribuidoras querem que Aneel reconheça desequilíbrio causado por covid-19

0
1470

Fonte.: MegaWhat

A Associação Brasileira dos Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee) apresentará até o dia 5 de outubro suas contribuições à segunda fase da consulta pública aberta pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) relativa aos impactos da pandemia de covid-19 para o equilíbrio econômico das concessões de distribuição.

Segundo o presidente da entidade, Marcos Madureira, a associação vai solicitar que a autarquia reconheça no texto da resolução a existência de um desequilíbrio causado pelas medidas de isolamento social provocadas pela pandemia e defina uma metodologia para a revisão tarifária extraordinária das concessionárias.

“É preciso reconhecer que existe um desequilíbrio e que precisa ser tratado de maneira adequada”, disse Madureira, à MegaWhat.

Cálculos feitos pela associação e que serão incluídos na contribuição para a consulta pública indicam que o impacto da pandemia para as distribuidoras é da ordem de R$ 6 bilhões. O valor considera as perdas na parcela “B”, a sobrecontratação involuntária e o aumento da receita irrecuperável.

Segundo Madureira, as medidas de isolamento social provocadas pela pandemia tiveram um efeito negativo médio da ordem de 25% no Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) das distribuidoras. Em alguns casos, pontuou ele, o impacto foi de 75% no Ebitda.

A associação também estima que a correção nas tarifas para suportar o reequilíbrio das concessões das distribuidoras teria um efeito nas contas de luz de 2,5% a 3% em média.

Link da matéria: https://megawhat.energy/news/105452/distribuidoras-querem-que-aneel-reconheca-desequilibrio-causado-por-covid-19

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here